Diagnóstico Das Dores Orofaciais (DTM)

O Professor Guedes tem Graduação Mestrado e Doutorado em Reabilitação Oral na USP em Bauru e em 2007 foi chefe das Disciplinas de Oclusão e Dores Orofaciais na UNESP.

Realizou seu Pós Doutorado nos EUA na Universidade de Minesota, onde morou por alguns anos e se aprofundou nos estudos na área de Dores

Orofaciais. Foi Residente em clínica Médica nessa área, no intuito de vivenciar o dia dia de pacientes que sofrem de dor. Acabou decidindo por realizar outro Mestrado, também específico na área de Dores Orofaciais . Autor de vários trabalhos científicos publicados em revistas nacionais e internacionais e ex Editor de algumas revistas é também autor do livro Oclusão, Desordens Temporomandibulares e Cefaléias, Editora Santos, que se encontra esgotado.

Em 2014 retornou ao Brasil com o objetivo de compartilhar com os colegas Dentistas essa brilhante trajetória que integra sua experiência clínica e científica.

Seus cursos têm como Foco preparar Os Dentistas, principalmente Ortodontistas, Protesistas e Reabilitadores para efetuar diagnósticos de Excelência das DTMs e dores Orofaciais prévio ao tratamento Reabilitador, proporcionando um tratamento efetivo e consequentemente prognósticos melhores para os pacientes.


OCLUSÃO E DORES CRÔNICAS OROFACIAIS - UMA ATUALIZAÇÃO CLÍNICA E CIENTÍFICA PARA O ORTODONTISTA, PROTESISTA E CLÍNICO GERAL


Programa do Curso


Dia 1 (manha e tarde)

A. Caso clínico mostrando que a má oclusão pode ser consequência e não causa de uma Disfunção Temporomandibular (DTM). Discussão da Classificação Geral das Dores Orofaciais Crônicas - Co-contração Protetora, Dor Muscular Local, Dor Miofascial, Mioespasmo, Fibromialgia e Sensibilização Central. DTM articulares mecânicas e inflamatórias como Deslocamento de Disco Articular com e sem redução, capsulite, capsulite posterior e osteoartrites.Cefaléia Tipo Tensional e Enxaqueca associadas à Dor Miofascial.

B. Principais Fatores Etiológicos Contribuintes às Dores Orofaciais Crônicas- saindo da era do apenas oclusão e estresse emocional

C. O papel da qualidade do sono como um fator causador ou perpetuante da dor levando o paciente à cronificação da dor: como diagnosticar e trata

D. Apresentação de 1 caso clínico

E. Tempo para perguntas e dúvidas clínicas



Dia 2 (manha)

A. Diagnóstico Diferencial das Dores Orofaciais Crônicas. Como realizar adequadamente a anamnese e o exame físico. Quando complementar com imagens como radiografias panorâmicas, ressonância magnética e/ou Rx periapicais, etc. (Discussão detalhada de todas as perguntas referentes à anamnese e exames que devem ser feitos durante o exame físico). Apresentação de um modelo de ficha clínica

B. Plano de tratamento Integrado: Discussão das diversas modalidades terapêuticas conservadoras, incluindo as placas oclusais (qual melhor material, arco e técnicas de confecção).

C. Quais terapias conservadoras estão cientificamente comprovadas e devem ser utilizadas no tratamento desses pacientes. (uma visão Geral e rápida)

D. Apresentação de outro caso clínico, demonstrando e discutindo a técnica de injeção em trigger points.

E. Finalização e tempo para perguntas

Investimento

Profissionais _ 500,00 ( podendo parcelar em 2x pagando a primeira até dia 17/10)
Alunos de Graduação _ 400,00 ( podendo parcelar em 2x pagando a primeira até dia 17/10)

▼ Mostra Mais

, 28000-000
Campos dos Goytacazes
17 Novembro , Sexta 09:00
Compartilha

Mais Próximos Eventos

 21 Setembro , Sexta
 Campos dos Goytacazes, RJ, Brazil, Campos dos Goytacazes
 10 Outubro , Quarta
 WaLu excursões, Campos dos Goytacazes
 27 Setembro , Quinta
 Fafatur Viagens, Campos dos Goytacazes
 22 Setembro , Sábado
 Jack Turismo Leva Você, Campos dos Goytacazes